lunes, 30 de junio de 2008

Detector de mentiras



Ilustración a tinta china y photoshop

11 comentarios:

Anónimo dijo...

"Entre a verdade e a mentira, o silêncio dá belas flores".

Agualusa (poeta moçambicano)

F.

Anónimo dijo...

que lindo

m

Anónimo dijo...

Gracias "m", as tuas palavras são hoje para mim "un misil anti-tristeza".

Fabíola

for dijo...

Como se escribe tuvo o tubo?
De haber tenido?
De conductor o transmisor?
De verdad o de mentira?
De estereografo o polifacetico?
disculpa la gramatica fito...

flor dijo...

Hey fabiola, este poema si lo entendi, de donde sacaste el autor?

fito espinosa dijo...

si, que lindo poema fabiola.

fito espinosa dijo...

jajaja, oye chica, jamas iba alucinarte como "flor".
Tuve, de haber tenido, conductor o transmisor,polifacético? jaja
es un trabalenguas?

Anónimo dijo...

Olá Flor,


O Agualusa é um escritor que nasceu em Angola, na mesma cidade que eu (ontem tinha a cabeça na lua).
Para os detalhes se quiseres podes escrever-me para:

tualuanua@hotmail.com

Fab

Anónimo dijo...

Olá Flor,

Podes encontrar o Agualusa no Google mas penso que só está traduzido para inglês. Posso oferecer-to em português se quiseres.

Fab

rossana dijo...

Muito obrigado.. Fab
Hubo un profe que decia que las flores no mentian.
creo que tenia razon...

Anónimo dijo...

Gracias a ti, Rossana.
A frase está escrita na primeira página do meu primeiro "Moleskine" que viaja comigo pelo mundo há alguns anos mas que ironicamente só tem meiadúzia de páginas escritas... talvez por respeito a ela...?

Há outros dois autores na mesma linha do Agualusa, o Pepetela, meu primo e... com uma longa/larga história e o Mia Couto, este sim! Merece o desvio...
Boas leituras.

Fab